PHP Archive

PHP Patterns parte 1: Singleton

Situação: Em determinadas situações no desenvolvimento de nossa aplicação precisamos que um ou mais recursos criados uma única vez sejam compartilhados ficando disponíveis em todo o ciclo da aplicação. Um exemplo bem comum na utilização do pattern Singleton é o objeto de conexão com o banco de dados. Geralmente o objeto é criado quando a

Segurança de Sessão no PHP

Neste artigo vamos abordar os principais ataques explorados em cima de aplicações PHP que usam sessões. Procurei demonstrar como os ataques são feitos e como podemos nos previnir deles. Os principais ataques são chamados de session fixation e session hijacking. Além desses, temos que ter certos cuidados quando trabalhamos com sessões em hosts compartilhados (shared

PHP – Melhores práticas parte 1: MVC

Nessa nova série de artigos vamos abordar assuntos referentes a melhorar a qualidade de nossos códigos. Alguns exemplos do que vem pela frente: MVC, Unit Testing, Coding Standard, Segurança, entre outros. Espero que aproveitem. Arquitetura MVC Vamos abordar os principais conceitos relacionados ao MVC. O artigo é mais teórico do que prático. A intenção é

PHP 5.3 parte VI: Outras melhorias

Neste último artigo da série vamos abordar algumas melhorias pequenas incluídas na versão 5.3 do PHP. Nos artigos anteriores já abordamos os principais recursos incluídos, como, por exemplo, Namespaces, Static Late Binding, Lambda e Closures, Arquivos Phar e mysqlnd. Espero que tenham aproveitado e se diertido com os conhecimentos expressados nessa série. Implementem, testem, aprendam

PHP 5.3 parte V: mysqlnd

Neste artigo vamos abordar mais uma novidade incluída na versão 5.3 do PHP. Vamos abordar mysqlnd ou Mysql Native Driver for PHP. Mysql Native Driver para PHP é um modo alternativo para se conectar no MySQL, disponível a partir do PHP 5.3 ou mais recente. Trabalha com as versão 4.1 ou mais recente do MySQL.

PHP 5.3 parte IV: Arquivos Phar.

Arquivos Phar são semelhantes aos arquivos JAR do Java. Recurso incluído na versão 5.3 do php, esta nova funcionalidade permite que você distribua sua aplicação PHP inteira ou uma biblioteca em um único arquivo, chamado de arquivo Phar. Esta funcionalidade tornou-se nativa do php na versão 5.3. Não existe uma ferramenta externa para criar arquivos

PHP 5.3 parte III: Lambda e Closures

Nesta terceira parte de nossa série vamos abordar a utilização de Lambda e Closures que também foram recursos incluídos na versão 5.3. Funções “Lambdas” são conhecidas como funções anônimas. Closures são uma forma mais avançada de “Lambdas” permitindo trabalhar com funções anônimas de forma mais flexível e com menos limitações. Vamos entender agora o funcionamento

PHP 5.3 parte II: Late Static Bindings

Na primeira parte desta série abordamos a utilização de namespaces. Nessa segunda parte vamos abordar a utilização de “Late Static Bindings” que é um novo recurso incluído à partir da versão 5.3, que por sinal, é muito interessante. É mais comum o uso de “Late static bindings” em chamadas de métodos staticos em um contexto

PHP 5.3 parte I: Namespaces

Muitos dos recursos previstos para a versão 6 do php foram incluídos na versão 5.3. Namespaces é uma delas. Namespaces vem para ajudar a evitar conflitos entre nome de funções, classes e constantes. Até a versão 5.2 muitas aplicações utilizavam prefixos nos nomes de classes e funções para evitar estes conflitos. Na aplicação de blog

Caracteres de nova linha no PHP

Como todos já sabemos, todos caracteres que estão fora das TAGS do PHP “<php ?>” são copiado pelo interpretador e enviados para a saída padrão diretamente. Até mesmo os caracteres de nova linha. Normalmente novas linhas são ignoradas pelo navegador para exibição, ou seja, eles não tem qualquer efeito. Porém esse caracter é utilizado na
Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers: